O MONUMENTO AOS PIONEIROS

 

pioneiros
Localizado próximo à margem do rio Branco, na praça Barreto Leite, centro de Boa Vista, é uma obra do artista plástico já falecido Luiz Canará, criada em 1995.
Com seus 4 metros de altura por quinze metros de comprimento, mostra o gigantesco paredão do Monte Roraima e o grande Makunaima compondo com as relevâncias históricas do estado, desde o período colonial. Enfatiza elementos étnicos que formam o atual povo roraimense, suas tradições e costumes. Refere-se também ao marco zero da colonização do Vale do Rio Branco.

Sobre Luiz Canará:
Luiz Carlos da Silva Mota (16/06/1953 a 13\09\1996), filho de família tradicional, adotou o nome artístico Luiz Canará, em homenagem a uma cordilheira situada as margens do rio Cotingo. Com estilo regionalista, pintou 25 telas, evidenciando aspectos culturais do Norte e traços etnográficos dos povos Yanomami.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *