SUCURI (Eunectes murinus)

 

anaconda_marciolavor

É uma das maiores cobras do mundo, chegando a atingir de 10 a 12 metros de comprimento.

Extremamente adaptada em todas as regiões de Roraima, e facilmente encontrada em alagados, igarapés e rios do estado.

Há um caso bastante conhecido em Roraima, com reportagem e fotos em jornais, que na década de 90 uma Sucuri de 12 metros foi encontrada e morta por um operador de retroescavadeira, quando o mesmo dragava o fundo de um igarapé no Bairro 13 de setembro (caso que terminou em processos por crime ambiental).

Conhecida também por: boiuçu, boiúna, sucurijuba, sucuriú, sucuriúba, sucuriju, sucuruju, sucurujuba, sicuri. Sua cor é pardo-azeitonada, com uma dupla série de grandes manchas pretas. A cabeça é revestida de numerosas escamas pequenas. Carnívora, principalmente, alimenta-se de peixes, aves aquáticas e mamíferos que surpreende nos bebedouros (capivaras, filhotes de anta, veados, etc.).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *