You are currently viewing
Compartilhe

Gratidão! Esse é o sentimento da dona de casa Antônia Maria de Oliveira, ao ver que a mãe dela, dona Rosa César de Oliveira, de 73 anos, vai realizar o sonho da tão esperada reforma do banheiro de casa.

“Minha mãe foi contemplada quando a equipe da Codesaima [Companhia de Desenvolvimento de Roraima] esteve no bairro Nova Cidade. Nós nem acreditávamos que esse momento chegaria e agora estou feliz demais por ela”, agradeceu a filha.

E quem é que não gosta de dar uma reformulada no visual de casa e deixar o ambiente mais aconchegante? Mas, nem todo mundo tem condições financeiras de garantir essa conquista, e é pensando na qualidade de vida da população de Roraima, que o Governo do Estado iniciou nesta terça-feira, dia 29, a segunda etapa do Programa Morar Melhor, que tem levado dignidade às famílias de baixa renda, que sonham em deixar a casa mais bonita.

Para essa segunda fase as novidades incluem a ampliação do investimento, com salto de R$ 6 milhões, com recursos próprios, para R$ 10 milhões, até o final do programa, que tem como foco chegar a 10 mil famílias atendidas.  Em média cada obra é orçada em R$ 6 mil.

“Começamos o trabalho com cuidado e responsabilidade, agora o Estado tem R$ 72 milhões em conta para atender o Morar Melhor, por isso vamos ampliar o número de famílias e ajudar a nossa gente a ter uma condição de vida melhor”, complementou o governador Antonio Denarium.

Durante a cerimônia de início da segunda fase, na Escola Estadual Militarizada Rittler de Lucena, foram assinadas as primeiras ordens de serviço para início das obras de reforma em 700 lares, distribuídos nos bairros Nova Cidade, Raiar do Sol, São Bento, Aracelis, Jóquei Clube, Centenário e Cinturão Verde.

“O Programa que atendeu mais de 1000 famílias com obras concluídas ou em andamento contempla telhados, banheiros, instalação hidrossanitárias, instalações elétricas, assentamento de cerâmicas, obras de acessibilidade e até substituição de casas de madeira por alvenaria, de acordo com a necessidade dos beneficiários.”, enfatizou a presidente da Codesaima, Maria Dantas.

Para Adail Seixas, a expectativa agora é festejar o novo telhado que a casa vai ganhar.

“Não tivemos dinheiro para concluir o telhado totalmente e com as chuvas a gente sempre sofria com as goteiras, agora com essa ajuda vamos nos livrar de um problema antigo e melhorar o nosso telhado”, agradeceu o autônomo Adail Seixas, de 63 anos.

Obras são executadas por empresas locais

O programa foi lançado em outubro do ano passado, e é coordenado pela Companhia de Desenvolvimento de Roraima, com parceria da Secretaria do Trabalho e Bem-Estar Social, com foco na melhoria habitacional nas modalidades construção e reforma.

A partir da assinatura, as empresas, as empresas têm prazo de 30 dias para execução do serviço. Atualmente 30 empresas estão cadastradas na Codesaima para execução das obras de reforma, o que garante o aquecimento da economia local.

Texto: Lidiane Oliveira e Marco Aurélio Rodrigues
Foto: Ederson Brito

Deixe um comentário