You are currently viewing DURANTE OCORRÊNCIAS | Bombeiros alertam população sobre uso de redes sociais
Compartilhe

Nos últimos dias, o CBMRR (Corpo de Bombeiros Militar de Roraima) verificou que, durante incêndio em uma residência em Boa Vista, um senhor gravou e postou um vídeo da ocorrência em um grupo do WhatsApp, mas não ligou para telefone 193 do Corpo de Bombeiros. A ligação para a Central de Operações só ocorreu minutos após a publicação do vídeo.

Esse tipo de comportamento, cada vez mais comum, despertou preocupação para que situações como essa não voltem a acontecer. Por isso, o CBMRR alerta a população sobre mensagens em redes sociais e grupos de aplicativos, solicitando que alguém acione a Corporação para o atendimento de ocorrências.

“Temos observado cada vez mais que algumas pessoas ao se depararem com uma ocorrência grave, preferem gravar ou tirar fotos da situação para postar em redes sociais e grupos, ao invés de acionar o serviço de emergência do Corpo de Bombeiros. Em alguns vídeos que tem chegado à Corporação é possível ouvir as pessoas que estão gravando, pedido a outras pessoas para ligarem para o Corpo de Bombeiros”, disse o comandante da Companhia de Operações e Comunicações de Bombeiros, capitão Macksuel Lopes.

No domingo dia 15,  a 2ª Companhia de Rorainópolis passou por algo semelhante. Um raio caiu em uma árvore na vicinal 34 do município, próximo à sede e atingiu mais gravemente três pessoas. Duas vieram a óbito e uma foi levada em estado grave ao hospital de Rorainópolis. Em nenhum momento os órgãos de segurança do município foram acionados. A informação só chegou ao conhecimento da 2ª CIA por um grupo de notícias local quando as vítimas já tinham sido removidas e não havia mais necessidade de atendimento.

“O tempo decorrido entre uma postagem desse tipo e a real ligação para o 193 pode levar a vítima a óbito. O ideal é que a população não grave e nem publique esse tipo de conteúdo, muitas vezes expondo a vítima de forma desnecessária”, destacou o subtenente Jorge Júnior.

A corporação reforça que, devido ao grande número de informações falsas que circulam em redes sociais, não realiza o deslocamento de suas viaturas operacionais para o atendimento de ocorrências somente com mensagens em aplicativos de mensagens. “Orientamos a população para que ligue para o 193 do CBMRR ou 199 da Defesa Civil Estadual o mais rápido possível, sempre que se deparar com uma ocorrência de urgência ou emergência. Nossos atendentes irão solicitar as informações e as equipes serão enviadas o mais breve possível”, disse o subcomandante geral do CBMRR, coronel Anderson Carvalho de Matos.

A Corporação já trabalha no planejamento para implantação de formas alternativas de acionamento das equipes para facilitar a comunicação de ocorrências, porém, reforça que o meio mais seguro e eficiente ainda continua sendo o número de emergência 193.

Texto: Capitão Macksuel Lopes
Foto: Divulgação

Deixe um comentário