You are currently viewing OPERAÇÃO INVERNO | Governo retoma vistoria nos municípios do Sul
Compartilhe

O Governo de Roraima, por meio do Corpo de Bombeiros Militar e da Defesa Civil Estadual, retomou, nessa quinta-feira, 09, a realização das vistorias nos três municípios do Sul do Estado: Caroebe, São João do Baliza e São Luiz.

Caroebe e São Luiz decretaram situação de emergência e têm prazo de 10 dias para enviar a documentação para reconhecimento federal ou homologação estadual.

“Esses dois municípios já decretaram e, assim como fizemos com o processo de decretação, estamos auxiliando no levantamento de dados para que a situação de emergência seja reconhecida”, disse o diretor Executivo de Proteção e Defesa Civil de Roraima, coronel Cleudiomar Ferreira.

A equipe deslocou na manhã de ontem para o município de Caroebe e realizou a vistoria na vicinal 3. No local, a equipe encontrou cinco famílias, que, apesar da destruição parcial da ponte sobre o rio Caroebe, não estão ilhadas, e utilizam as próprias embarcações para locomoção e para o escoamento da produção.

“Faremos o relatório de danos para confirmar as informações prestadas pelo município. O relatório também será enviado a Secretaria de Infraestrutura para que sejam planejadas e executadas as obras de reparo necessárias”, disse o coronel Cleudiomar Ferreira.

SITUAÇÃO DE EMERGÊNCIA

Cantá, Pacaraima, Bonfim, Caracaraí, Rorainópolis, Caroebe, São João da Baliza, Normandia, Alto Alegre, Amajari, Iracema e Uiramutã decretaram e têm prazo de 10 dias para enviarem, via sistema S2ID, todas as documentações comprobatórias para reconhecimento federal ou homologação estadual.

A situação de emergência é caracterizada quando, atingido por um sinistro, os municípios não possuem condições próprias para responder ao evento, prestando todo o apoio aos moradores afetados.

“Mantivemos contato direto com os municípios desde o início das chuvas, seja prestando o apoio à população ou trabalhando com as prefeituras para a preparação dos decretos de situação de emergência. Estamos com equipes em campo para auxiliar os municípios na coleta de dados para que as decretações sejam reconhecidas”, disse o comandante Geral do Corpo de Bombeiros Militar de Roraima e secretário Executivo de Proteção e Defesa Civil, coronel Anderson Carvalho de Matos.

RESPOSTA RÁPIDA

O Governo de Roraima vem atuando nas ações de respostas às chuvas que atingem o Estado. Diversas vistorias foram realizadas nos municípios de Roraima, principalmente devido aos danos causados nas rodovias federais, estaduais e vicinais.

A BR-210, que liga Caracaraí à Caroebe, Baliza e São Luiz, rompeu em três pontos e precisou de reparos. Equipes do Governo de Roraima estiveram nos locais, realizaram as vistorias e acionaram o DNIT (Departamento Nacional de Infraestrutura Terrestre) para realização das obras de recuperação.

O município do Cantá foi um dos mais afetados. Famílias ficaram ilhadas devido as cheias dos rios Cachorro e Baruana. Equipes do CBMRR e da Defesa Civil foram enviadas para realizar baldeação e retiradas dessas pessoas.

No Cantá, o Governo de Roraima realizou, até o presente momento, a entrega de 579 cestas básicas emergenciais para as famílias dos Projetos de Assentamentos Tatajuba, Olaria, Jacaminzinho e Taboca. As famílias das vicinais Rio Branco, Pau Brasil e Pau Rainha também receberam cestas emergenciais. Neste momento, a Defesa Civil de Roraima mantém uma equipe realizando baldeação na vicinal Pau Brasil devido ao aumento do nível de água no Rio Baruana, na divisa com Caracaraí.

Em Boa Vista, o Governo de Roraima mantém equipe realizando baldeação de pessoas na região do Projeto de Assentamento Passarão, que fica na zona rural da Capital.

Além da baldeação na zona rural, o Governo do Estado entregou 57 cestas emergenciais para as famílias do bairro Senador Hélio Campos, que tiveram que deixar as residências devido às fortes chuvas registradas entre os dias 15 e 17 de maio.

“Atuamos, com ações de resposta emergencial, na maioria dos municípios, seja com equipes da Defesa Civil ou do Corpo de Bombeiros. Estamos com equipes destacadas em Caroebe, Baliza e São Luiz, Cantá, Caracaraí, Rorainópolis e Boa Vista, auxiliando a população afetada. Estimamos que mais de 20 mil famílias foram afetadas, de alguma forma, pelas chuvas em Roraima”, disse o coronel Anderson Carvalho de Matos.

Equipes do governo atendem famílias do Baixo Rio Branco

O Governo de Roraima enviou no domingo, dia 05, uma equipe para prestar apoio comunitário aos ribeirinhos do Baixo Rio Branco, entre os municípios de Caracaraí e Rorainópolis. Ao todo, a região contempla 20 comunidades, totalizando mais de 1.200 famílias.

A equipe, composta por Bombeiros Militares e servidores da Setrabes (Secretaria do Trabalho e Bem-Estar Social) e da Secretaria de Saúde irão percorrer todas as comunidades, com a prestação de atendimento médico, cadastramento e entrega de cestas básicas, remoção de doentes para hospitais e retirada de pessoas de áreas de risco.  A previsão é que a ação governamental dure de 20 a 25 dias.

Texto: Macksuel Lopes
Foto: Ascom/CBMRR

Deixe um comentário