Prefeitura de Caracaraí propõe aumento de 100% na taxa de iluminação pública
Compartilhe

A prefeitura de Caracaraí, no Sul de Roraima, quer aumentar em 100% as taxas de iluminação pública para consumidores comerciais. O projeto de lei, assinado pela prefeita Diane Coelho (Solidariedade), deve ser votado nesta segunda-feira (17) na Câmara Municipal da cidade.

Para os consumidores residenciais, o projeto estima aumento de 50% na mesma taxa. O texto já foi aprovado Comissão de Constituição e Justiça da Câmara.

Ao G1, a prefeita justificou que, caso seja aprovado, o aumento será destinado para melhorias no serviço de iluminação no município e nas vilas de Caracaraí.

“Trata-se apenas de um reajuste, por conta da necessidade de dar manutenção no sistema de iluminação, que hoje encontra-se em péssimas condições. Além disso, hoje o custo da iluminação publica custa aos cofres públicos 95 mil, e arrecada 57 mil”, disse Diane..

A prefeitura fala, ainda, em equilíbrio das receitas e que, com o aumento, a população terá uma cidade “iluminada e com uma manutenção de qualidade.”

“Como temos projetos de iluminar a cidade, inclusive com sistema LED, com esse projeto e implantação desse sistema vamos poder equilibrar receitas e despesas”, afirmou a prefeita.

Contrário ao projeto, o vereador Junior Paraíba (MDB) o classificou como “abusivo”. “É um aumento abusivo em época de pandemia e não é o momento apropriado para ter esse aumento, já que o que é arrecadado hoje dá pra pagar as taxas de iluminação pública”, disse.

“Eu acho que a taxa que pagamos hoje já é o suficiente sem aumento. O valor que arrecadamos é de R$ 69.739,05 e pagamos R$ 80.374,31”, pontuou o vereador.

O presidente da Câmara, Victor Marcelo (Solidariedade) mencionou a criação de um fundo especial em que será destinado todo o valor arrecadado com o aumento da taxa, porém, não informou outros detalhes.

Fonte: https://g1.globo.com/rr/roraima
Foto: https://www.caracarai.rr.gov.br/

Deixe uma resposta